Record demite bailarinas de Rodrigo Faro na véspera do Natal

625_315_1387893156Record_demite_bailarinas_do_Faro

A Record demitiu na última sexta-feira (20) três das cinco bailarinas de O Melhor do Brasil, programa de Rodrigo Faro. O contrato delas vence em 31 de dezembro, e elas foram informadas de que não vão mais trabalhar a partir de janeiro. Uma quarta bailarina, que tem contrato até o fim de janeiro, também deverá ser dispensada.

Das cinco bailarinas, que também fazem o papel de assistentes de palco, apenas uma será mantida: Valeska Reis, que é negra. A demissão na véspera do Natal foi criticada nos bastidores da emissora.

Oficialmente, as bailarinas foram dispensadas porque perderam função no programa, hoje baseado em gravações externas. Em março, O Melhor do Brasil estreia novo cenário e dois novos quadros, aumentando ainda mais a quantidade de externas. Provavelmente, não serão contratadas novas bailarinas.

Mais cortes

Apesar de ter demitido centenas de funcionários em 2013, a Record deverá promover novos cortes em janeiro. Nos bastidores da emissora, circulam informações de que serão feitas reduções de pessoal na área administrativa, na cenografia (que constroi e monta cenários) e na maquinária (de equipamentos e movimentos de câmera).

Os cortes serão possíveis porque a emissora adotou um modelo de cenários fixos, sem a necessidade de desmontá-los para que um outro ocupe o mesmo estúdio. O Legendários, por exemplo, passará a ocupar permanentemente o espaço da Record News, e não mais o teatro.

Sem o monta e desmota de cenários, não se faz necessária a mesma quantidade de braços.

A Record não comentou.

Pin It