Alça de acesso ao Anel de Contorno Viário de Criciúma será construída

Reunião com Moradores - Foto de Jhulian Pereira (2)

Além de serem contemplados com a terceira etapa do Anel de Contorno Viário de Criciúma, inaugurada nesta quinta-feira (19), às 9h30min, os moradores dos bairros Mina do Mato, Naspolini, Mina do Toco, Montenegro e Vera Cruz, têm outros motivos para comemorar. Em reunião realizada nesta quarta-feira (18), a Prefeitura de Criciúma e o Governo do Estado de Santa Catarina se comprometeram a construir o acesso às comunidades.

O projeto será realizado pela empresa Iguatemi Consultoria e Serviços de Engenharia Ltda., de Florianópolis. “Vamos fazer uma alça de acesso ao Anel Viário, com 250 metros, que vai resolver o problema dos moradores daquela região. Isso foi definido por nós e pelos representantes dos bairros”, afirma o superintendente regional Sul do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra), Lourival Pizzolo.

A obra deve ser concluída em seis meses. “A reivindicação dos moradores é justa. As autoridades entenderam e se comprometeram a solucionar o problema até a metade deste ano. De nada adianta inaugurar essa obra tão importante se a população não for atendida. O projeto será concluído e, depois, os trabalhos serão iniciados”, conta o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

De acordo com o presidente da Associação de Moradores do Bairro Mina do Toco, Luiz Carlos Naspolini, os líderes comunitários saíram otimistas do encontro realizado na Prefeitura de Criciúma, no bairro Ceará. “Estamos há dois anos lutando por uma solução. Hoje nos apresentaram uma prévia segura do projeto. Fomos bem atendidos e, por isso, estamos contentes”, ressalta.

A reunião contou com a presença do secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Criciúma, João Fabris, do chefe do Pátio de Máquinas da Prefeitura de Criciúma, Verceli Coral, de representantes da empresa Iguatemi, além de vereadores de Criciúma.

Entenda o problema

As comunidades reivindicam a construção de uma alça de acesso ao Anel de Contorno Viário de Criciúma. “Saídas de muitas ruas foram interrompidas. Fomos prejudicados e ficamos sem acesso ao Anel Viário”, explica Naspolini. Aproximadamente 15 mil moradores ficaram isolados após o término da terceira etapa das obras.

Anel de Contorno Viário de Criciúma

Uma das obras mais importantes do Sul do Estado de Santa Catarina, a construção da terceira etapa do Anel de Contorno Viário de Criciúma iniciou em 2013. O trecho, executado pelo Governo do Estado, liga a rodovia SC-108, no bairro São Simão, a rodovia SC-445, no bairro Vila Zuleima. A obra possui 6,8 quilômetros e recebeu investimento final de R$ 43 milhões.

Jhulian Pereira

Pin It