Comunidades decidem forma de atendimento nas Unidades de Saúde

Visando melhorar o atendimento em saúde do cidadão criciumense, a Administração Municipal, através da Secretaria de Saúde, realizou na última quarta-feira (26), em diversas Unidades Básicas de Saúde (UBS), assembleias populares. Os encontros serviram para discutir soluções de problemas e o novo modelo de agendamento, que já está em funcionamento nos postos de saúde.

 

O novo método de atendimento nas UBS foi decidido durante a assembleia pelos moradores. Aproximadamente 50% optou pelo agendamento diário, e os demais pelo semanal. Todos os encontros foram registrados em atas, que estão armazenadas na Secretaria de Saúde.

 

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Francielle Lazzarin Gava, o objetivo da assembleia foi possibilitar o melhor acesso da comunidade aos serviços prestados pelo Governo de Criciúma. “É importante que a população faça parte do processo de desburocratização dos serviços prestados pela Administração Municipal. A partir de agora, cada UBS vai ter sua forma de agendar, seguindo os dois modelos padrão, que foram escolhidos pela população durante os encontros da semana passada. Não queremos apenas prestar um primeiro atendimento aos cidadãos, buscamos ofertar um serviço de qualidade e, para que as decisões sejam tomadas de forma correta, precisamos da participação popular como ocorreu na última semana”, destaca.

A meta da Secretaria Municipal de Saúde é padronizar uma orientação que recebeu do Ministério da Saúde, onde um conjunto de ações realizadas dão respostas às necessidades da comunidade, dentre elas sobre o atendimento da demanda espontânea e a demanda programada.

 

Nos encontros, os populares puderam conhecer os serviços prestados nas UBS em que recebem atendimento. “Foi um momento para identificar os problemas e as potencialidades do atendimento prestado à população. Podemos também passar orientações sobre os tipos de serviços que as Unidades de Saúde possuem, pois, muitas pessoas não conhecem o funcionamento, os horários de atendimento por completo. Esse momento foi positivo para a Administração Municipal e, principalmente, para a população, que compareceu para exercer seu direito de decisão”, relata Francielle.

UBS_Verdinho_Foto_de_Arquivo_Decom

Milena dos Santos

Pin It